O que é a taxa CDI ?

Publicidade

O termo CDI, que nada mais é do que um Certificado de Depósito Interbancário, utilizado no mundo do mercado financeiro, não é só mais uma taxa, mas um fator que determina o rendimento do seu dinheiro de forma anual.

O banco Nubank aprimorou essa taxa, trazendo-a para mais perto de seus consumidores, justamente porque o CDI é extremamente vantajoso para qualquer pessoa que deseja investir, por isso, o mais importante, saber escolher onde deixar o seu dinheiro render.

Publicidade

O Certificado Interbancário acontece a partir do empréstimo, a curto prazo, entre bancos, para que eles possam fechar com o caixa do dia no positivo. Trata-se, portanto, dos juros produzidos durante essas operações das instituições financeiras.

Mas como isso acontece na prática?

Simples. Os bancos diariamente precisam manter, por determinação do Banco Central, o caixa positivo, isto é, mais dinheiro sendo depositado, do que sacado. Entretanto, na prática, isso não ocorre de maneira natural. Tendo isso em vista que as instituições financeiras realizam empréstimos entre bancos, mesmo sendo seus concorrentes, pois, no fim, todos mantêm os seus saldos positivos.

Publicidade

As transações interbancárias são importantes por dois grandes motivos: a) garantir que os bancos consigam pagar as suas dívidas e compromissos; e b) promover a saúde financeira do banco, bem como manter o patrimônio de seus clientes protegido.

Nesse sentido, os empréstimos funcionam como uma espécie de promessa, já que a instituição financeira que empresta o valor tem a segurança de que será paga pela outra parte, o que acarreta incidência de juros, que serão definidos pela taxa CDI.

Descomplicando:

  O CDI nada mais do que o reflexo dos juros que os bancos recebem por emprestar dinheiro a outras instituições  

Como funciona o cálculo?

Primeiramente, faz-se necessário constatar que a taxa CDI não pode ser investida por um indivíduo, uma vez que é calculada a partir dos títulos de crédito diários efetuados entre os bancos. Com essas operações diárias, há o cálculo da média mensal e anual do CDI, e essas são consideradas para fins de rendimento dos investimentos.

Considera-se a B3 (renda fixa) para o cálculo da taxa, logo, precisamos diferenciar os tipos de investimento no mercado. Em matéria de renda fixa, existem duas categorias, são elas:

  1. Pré-fixado: nesse caso a taxa de rendimento é estipulada no momento em que o investidor escolhe a aplicação que pretende guardar o dinheiro;
  2. Pós-fixados: aqui, acontece posteriormente, no momento do vencimento da aplicação, de acordo com o índice de referência.

Afinal, quanto rende o CDI?

Destacam-se duas formas de rendimento dos investimentos, há a possibilidade de ser anual – como acontece, via de regra – ou ainda, de forma mensal. O banco Nubank, como dito anteriormente, tem promovido o alcance de seus clientes às taxas mensais do CDI. E, segundo relatório divulgado pelo Banco Central, no primeiro trimestre do ano de 2022, o CDI Mensal foi de:

  1. Janeiro: 0,73%
  2. Fevereiro: 0,76%
  3. Março: 0,88%

Em comparação com o mesmo período de 2021, os juros se elevaram, contudo, evidenciamos que esse valor dependerá sempre das transações interbancárias que podem sofrer aumentos ou diminuições.

Uma das perguntas mais frequentes entre os cidadãos relaciona-se com a comparação entre deixar o dinheiro guardado na poupança dos bancos comuns, ou investir em rendas fixas.

Sempre é bom entender como funciona os sistemas de juros, e o que cada banco oferece à clientela, mas, sem dúvidas, que como qualquer outro investimento, você precisa estar consciente de que é variável, e tudo depende do mercado financeiro.

A Nubank, por exemplo, garante aos seus clientes que o dinheiro rende 100% do CDI de forma automática, basta criar uma conta e conferir o rendimento diário pelo próprio aplicativo, bem como acompanhar o quanto poderá ganhar ao longo do tempo.